Frases

18 de mai de 2012

Opinião sobre A Árvore da Vida


Ele remirá a Israel de todas as suas iniqüidades.
Salmos 130:8

Assisti ao filme A Árvore da Vida, de Terrence Malick. Basicamente o filme inicia com o questionamento de Deus para Jó "onde tu estavas quando comecei a fundar a terra...?" (Jó 38:4-7). E segue-se uma série de narrativas alternadas por diversos personagens.

O filme trabalha uma série de questionamentos sobre a ação de Deus nos momentos difíceis da vida (doença, violência doméstica, frustração profissional, acidente com um incêndio, morte do um amigo enquanto se diverte nadando, morte de um familiar próximo, orações não respondidas, etc). As perguntas que são feitas ao longo do filme dão a tônica que prende um observador mais atento. Tais questionamentos nos fazem pensar em nossas indagações e dúvidas sobre o modo o qual Deus escolheu atuar no mundo, o problema do Mal, o paradoxo de Epiruco, etc.

Um dos pontos interessantes do filme é que a proposta de espiritualidade sugerida é teológica e científica ao mesmo tempo: há uma belíssima sequência de imagens dando a entender o mundo numa perspectiva evolucionista, a la Charles Darwin. E no final do filme todos se encontram num lugar post mortem, onde não havia lágrimas ou tristeza (Ap 21).

O cerne do filme é o tema da redenção que contradiz todos os problemas e, por assim dizer, pecados dos personagens. Os questionamentos não respondidos dão o ar de que somos parte de um plano maior e que muitas vezes focamos problemas pontuais de um algo maior. O sentimento de "sou o deus de Deus" se esvanece á medida que o filme é absorvido em nossos sentidos.

Certamente que o filme não há de agrada a todos os tipos de cristãos. Tal qual nem todas as reflexões bíblicas agradam. O autor do filme não se preocupa com isso. Me parece que ele entendeu muito bem o verso que diz que "todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus" (Rm 8:28). É como se não fizéssemos idéia do plano maior o qual estamos inseridos e tentássemos colocar Deus contra a parede em busca de respostas, como fez Jó e seus amigos. 

O filme fala sobre vida, e vida em abundância (Jo 10:10), sobre viver o presente e ter esperança que estamos apenas de passagem para um algo maior (Hb 11:13). Fala de redenção. O título do filme A Árvore da Vida traça um paralelo entre a Árvore do conhecimento do Bem e do Mal (Gn 2) e da Árvore da Vida (Ap 22). Se o fruto da primeira trouxe o caminho da condenação o da segunda, título do filme, aponta para o caminho da redenção. É sobre isso que o cristianismo se trata: um Caminho de redenção. Estamos num caminho de redenção,
"Porque é Deus que, em Cristo, reconciliava consigo o mundo, não levando mais em conta os pecados dos homens, e pôs em nossos lábios a mensagem da reconciliação." 2 Coríntios 5:19

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...