Frases

31 de mai de 2011

O devorador da alma

Esses são dias os quais enfrentamos uma luta diária contra um inimigo que nos foi apresentado com o nome de Devorador. Sempre associado ao Tinhoso, é o inimigo número um da igreja, pois ele ataca no lugar que mais dói no cristão hodierno: no bolso. No Antigo Testamento, é também identificado como gafanhoto (comedor de lavouras).

Mas quero falar de um outro tipo de "devorador", o pecado. O pecado é sem sombra de dúvidas o maior devorador de toda a Bíblia. Ele traga todas as energias da vida do cristão, até que a última gota se esvaneça no ar. Ele é faminto e enquanto houver esperança e brilho nos olhos de quem crê, ele não satisfaz a sua sina de criar o maior abismo entre o crente e Aquele em quem se crê. O "gafanhoto" é brincadeira de criança perto dele; pois o gafanhoto consome o que pode ser recuperado com alguma rapidez e o relacionamento com o Divino não. Não que o Altíssimo crie dificuldades para isso, mas o próprio pecador não se vê apto para estar junto com seu amado novamente.

Adão sentiu na própria pele o poder do pecado e foi se esconder (Gênesis 3:8). E quando indagado sobre seu distanciamento, criou um novo distanciamento entre ele e sua adjuntora colocando nela a culpa de sua omissão (v.12). Davi fez uma declaração que expressa muito bem a dor desse distanciamento:
"Quando eu guardei silêncio, envelheceram os meus ossos pelo meu bramido em todo o dia." - Salmos 32:3
Certamente que o pecado causa destruições no âmbito físico como por exemplo danos ao corpo (sexo fora do matrimônio, alcoolismo, dependência química, etc.), danos comportamentais (relacionamentos destruídos pelos excessos), mas a maior destruição que o pecado causa é o pecador afastar-se de Deus. Onde havia uma vida de oração agora há um silêncio ensurdecedor. A "ponte" que havia entre o Homem e Deus é demolida e com as pedras dela ergue-se um alto muro que leva-nos cada vez mais para longe do Criador.

Para mim o maior dano do pecado não é físico e sim metafísico. É vertical e não horizontal. É a perda do que em Cristo conquistamos: livre acesso (Marcos 15:38). Depois que o vertical é abalado o horizontal é comprometido também. Assim conhecemos a culpa, a principal causa da dificuldade de restabelecer o relacionamento com Deus. O pecado pode até mesmo não ser repetido mais, mas ele deixa um vírus instalado no hospedeiro que irá consumi-lo dia após dia. Em algumas pessoas ele age mais rápido levando a morte-súbita (Mateus 27:5). Pronto. A destruição está feita. Para santo-pecador encontrar o caminho de volta fica difícil a cada minuto que passa. Com o tempo ele não sabe nem mesmo de onde vinha antes de trilhar aquele caminho.
"Pois de dia e de noite a tua mão pesava sobre mim; minha força foi se esgotando como em tempo de seca." - Salmos 32:4
No entanto, para dias em que os olhos perderam o brilho e estão opacos pelo pecado e mais profunda trevas antes já vista, encontramos na Bíblia algumas diretivas:
"Então reconheci diante de ti o meu pecado e não encobri as minhas culpas. Eu disse: 'Confessarei as minhas transgressões ao Senhor', e tu perdoaste a culpa do meu pecado." - Salmos 32:5
A solução para o distanciamento é a reaproximação. Funcionou com Jacó (Gênesis 33:4). Davi em seu Salmo de número 32 narra a sua situação diante do mal causado pela culpa que o pecado lhe trouxe. E na mais profunda angústia de sua alma ele cantou o salmo 51 dessa maneira:
"Tem misericórdia de mim, ó Deus, segundo a tua benignidade; apaga as minhas transgressões, segundo a multidão das tuas misericórdias.
Lava-me completamente da minha iniqüidade, e purifica-me do meu pecado.
Porque eu conheço as minhas transgressões, e o meu pecado está sempre diante de mim.
Contra ti, contra ti somente pequei, e fiz o que é mal à tua vista, para que sejas justificado quando falares, e puro quando julgares.
Eis que em iniqüidade fui formado, e em pecado me concebeu minha mãe.
Eis que amas a verdade no íntimo, e no oculto me fazes conhecer a sabedoria.
Purifica-me com hissopo¹, e ficarei puro; lava-me, e ficarei mais branco do que a neve.
Faze-me ouvir júbilo e alegria, para que gozem os ossos que tu quebraste.
Esconde a tua face dos meus pecados, e apaga todas as minhas iniqüidades.
Cria em mim, ó Deus, um coração puro, e renova em mim um espírito reto.
Não me lances fora da tua presença, e não retires de mim o teu Espírito Santo.
Torna a dar-me a alegria da tua salvação, e sustém-me com um espírito voluntário.
Então ensinarei aos transgressores os teus caminhos, e os pecadores a ti se converterão.
Livra-me dos crimes de sangue, ó Deus, Deus da minha salvação, e a minha língua louvará altamente a tua justiça.
Abre, Senhor, os meus lábios, e a minha boca entoará o teu louvor.
Pois não desejas sacrifícios, senão eu os daria; tu não te deleitas em holocaustos.
Os sacrifícios para Deus são o espírito quebrantado; a um coração quebrantado e contrito não desprezarás, ó Deus.
Faze o bem a Sião, segundo a tua boa vontade; edifica os muros de Jerusalém.
Então te agradarás dos sacrifícios de justiça, dos holocaustos e das ofertas queimadas; então se oferecerão novilhos sobre o teu altar." - Salmos 51
Se a fome do gafanhoto "Devorador" seria aplacada com ofertas (há controversias), a fome do pecador devorador é aplacada com espírito quebrantado, coração quebrantado e contrito. Amém


¹ O Hissopo, planta medicinal, era utilizado para tratar a asma e as afecções brônquicas e pulmonares. O pulmão é o aparelho que puxa o ar para dentro e o expele para fora. "Ar" é ruah, que para o povo veterotestamentário era compreendido como espírito, fôlego de vidadentre outros.
Gênesis 3:8 - "E ouviram a voz do SENHOR Deus, que passeava no jardim pela viração do dia; e esconderam-se Adão e sua mulher da presença do SENHOR Deus, entre as árvores do jardim."
Gênesis 3:12 - "Então disse Adão: A mulher que me deste por companheira, ela me deu da árvore, e comi."
Gênesis 33:4 - "Mas Esaú correu ao encontro de Jacó e abraçou-se ao seu pescoço, e o beijou. E eles choraram."
Mateus 27:5 - "E ele, atirando para o templo as moedas de prata, retirou-se e foi-se enforcar."
Marcos 15:38 - "E o véu do templo se rasgou em dois, de alto a baixo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...