Frases

5 de abr de 2011

A Bela e Adormecida Igreja


Era uma vez, há muito tempo atrás, um Rei que mesmo auto-suficiente, desejava relacionar-se com um semelhante. Este Rei tinha um sonho: viver rodeado de filhos, ainda que adotivos.

O Rei não se agradava de bajulações, nem presentes, nem banquetes e nem mesmo das canções entoadas aos Seus grandes feitos (Amós 5:21-23). Nada lhe preenchia o vazio que somente um semelhante poderia preencher. Mas, numa tarde de verão, ao se banhar em um riacho um sapo de nome Jeremias profetizou:

- Há um povo que "tem um vazio no coração do tamanho de vossa Majestade" (Dostoiévski). E em Seu coração "eles serão o Seu povo, e para eles será o seu Rei" (Jeremias 32:38).

A profecia do sapo Jeremias concretizou-se, e algum tempo depois nasceu a "menina de Seus olhos", e chamou-a "formosa", "meu amor" e seus defeitos "eram suportáveis" (Cânticos 4:7). O Rei retirou-lhe o vergonhoso nome e deu-lhe um nome especial, como o do Grande Rei, Israel (Gênesis 35:10).

O Rei deu uma grande festa e todos os súditos foram convidados para apresentação ao mundo da grande amada comunidade real, menos a maléfica serpente Lúcifer que desde o início mantinha um desafeto pelo povo do Rei (Gênesis 3:15).

Muitos foram os presentes recebidos pelo amado povo do Rei, durante a festa. O próprio Rei citou algumas palavras de ânimo, dizendo: "Bendito será onde for. Ainda que entre ou saia, será bendito" (Deuteronômio 28:2, 6). "Através de você todos os outros povos me conhecerão e provarão da minha bondade" (Gênesis 26:4). Mas para isso terão que guardar os meus conselhos (Deuteronômio 28:1).

No entanto, no meio dos convidados estava alguém que não havia sido chamado às comemorações: Lúcifer. Estava com uma expressão muito sombria e ameaçadora, terrivelmente ofendida por mais uma vez ser excluído da festa do Rei (Lucas 10:18). Lançou um olhar maldoso para Israel, que tranqüilo dançava alegremente na presença do Rei (2 Samuel 6:14), e disse:

- Acabarei com a felicidade do Rei e para isso usarei você. De hoje em diante dormirás! Farei com que você esqueça qual é o seu propósito de existência. Irá aprisionar a mente de seus iguais com ameaças de um cárcere o qual você não tem a chave. Você perderá o foco e passará a vida toda correndo atrás de auto-satisfação. Imputarei na mente de seus guias que vocês podem viver independentes de seu Rei. Ensinarei-lhe a cobrar herança de um Rei ainda não morto (Lucas 15:12). Estará sempre inclinado á prosperar, para direita, para esquerda á frente e para trás. Porei em seus lábios palavras que vão contra a essência de seu Rei. Guerreará contra si mesmo, estará divido cada vez mais e mais até não poder se dividir mais. Farei com se prostre a mim e pensará que estará ajoelhado diante de seu Rei. Você dormirá um sono tão profundo que não dará ouvido aos que tentarem lhe acordar. Você chamará estes de hereges, de difamadores da sã doutrina, de rebeldes contra os ungidos. Usarei de sua própria cobiça para fazer com que viva o pior de todos os pesadelos. Farei com que sinta inveja daqueles que você deveria influenciar. E quando conseguir, você estará copiando as coisas que eles fazem. Sim, farei você amar mais a vida do que a morte. Estará tão cheio de si mesmo, que não haverá espaço para seu Rei. E seu Rei então sofrerá.

Assim como apareceu também desapareceu em meio aos convidados. O Rei olhando para sua amada comunidade, seu Israel, chorou (Lucas 19:41). Seria este o fim de uma linda história que mal havido começado (Gênesis 2-3)?

Havia entre os convidados um velho e sábio homem chamado Isaías. Diziam que ele não era o primeiro, que antes dele outro Isaías era também homem sábio. Mas isso não vem ao caso. Isaías compadecido com a situação do povo profetizou:

- Haverá um príncipe (Isaías 9:6). Ele chamará o povo ao arrependimento para que pudessem voltar a fazer parte do reino do Grande Rei (Mateus 4:17). Ele receberá o castigo pelo povo (Isaías 53:4). Receberá beijos de amor (Lucas 7:38) e de ódio (Lucas 22:48). Mas no fim quando ver que Israel despertou de seu sono ficará satisfeito, ainda que tenha lhe custado a vida (Isaías 53:11).

A alegria voltou a estampar o rosto do Rei. A festa prosseguiu. O banquete estava sendo servido, mas faltava ainda alguém: Israel estava deitado em seu leito. Adormecido. Mergulhado no mais profundo pesadelo que pode-se imaginar, enquanto todos estavam á mesa aguardando o seu despertar.

Desperte Igreja. O Pai está ansioso para cear com você (Apocalipse 3:20).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...